Empreender nos EUA: confira as dicas para começar o seu próprio negócio no país

Empreender nos EUA: confira as dicas para começar o seu próprio negócio no país

No site já foi falado sobre a oportunidade de investimento nos Estados Unidos com a possibilidade de conseguir o Green Card por meio do programa EB-5. Ele permite que estrangeiros invistam em empresas com fins lucrativos já existentes no país, ou mesmo abram o próprio negócio por lá. 

Se você tem interesse nessa segunda opção, aqui encontra algumas dicas e passos que deve ter atenção para conseguir empreender nos EUA. Os conceitos aqui apresentados são um compilado das informações do Guia para a comunidade brasileira de como empreender na Flórida, elaborado pelo Ministério das Relações Exteriores e Consulado-Geral do Brasil em Miami. 

 

Atrativos para empreender nos EUA

Os Estados Unidos como um todo contam com muitos atrativos para novos negócios, entre eles é possível citar os custos competitivos, mão de obra qualificada, infraestrutura, baixos impostos. E, especificamente no estado da Flórida ainda existem programas de treinamento de talentos reconhecidos nacionalmente. Além disso, a região conta com clima ameno que contribui para diferentes tipos de empreendimento, e até mesmo para a adaptação no novo país, já que muitas vezes a abertura do negócio está associada à mudança de todo o grupo familiar para o país. 

Além disso, a economia dos EUA é robusta e muito competitiva, na Flórida esse dado se torna ainda mais expressivo, considerando o PIB de US $ 1 trilhão, colocando o estado como a 17ª economia do mundo. 

 

Parceria entre Brasil e Flórida 

O Brasil é um dos principais parceiros comerciais dos EUA e, sobretudo, da Flórida. A relação forte com o estado se mantém há mais de uma década. Isso porque a região tem uma grande demanda de produtos brasileiros. Além disso, está muito aberta ao setor de agrotech. Reflexo disso foram os US $ 20 bi em relações comerciais entre o Sunshine State e o Brasil no ano de 2018

Sabendo de todas as condições favoráveis para empreender nos EUA, saiba agora quais são os pontos de atenção para começar um novo negócio no país. 

1- Vistos para empreendedor

Para ter o direito de empreender e permanecer nos EUA para gerir o negócio, é preciso conseguir um visto para empreendedor. Os dois tipos mais comuns são: 

Visto L-1: também conhecido como visto de empresário, essa modalidade permite que empresas de outros países transfiram seus profissionais para gerir uma subsidiária ou filial nos EUA. Ou ainda transferir equipe para começar uma nova empresa subsidiária ou filial.   

Visto EB-5: essa modalidade foi criada como fomento de investimento estrangeiro no país. Seus principais requisitos são a quantia a ser investida (mínimo de US$ 1,8 milhão para novos empreendimentos a partir de 21 de novembro), geração de 10 novos empregos, pelo menos, para residentes ou cidadãos americanos e as condições de elegibilidade do investidor. 

2- Providências Documentais 

Para operar como uma empresa jurídica é possível recorrer à duas principais modalidades que contam com questões burocráticas descomplicadas e uma proteção limitada para sócios e acionistas. São elas: Limited Liability Company (chamada de “LLC”) e Corporation (“Inc.” ou “Corp.”).

 

  • LLC: é ideal para pequenos negócios que não tem a pretensão de buscar investimentos externos com fundos ou investidores anjo. A modalidade conta com facilidade de impostos e flexibilidade, permitindo um número limitado de membros. 
  • Corp: já essa outra modalidade é muito comum entre as grandes empresas. A principal diferença para a LLC é a possibilidade de abertura de capital

 

Depois de escolhido o tipo de empresa que se pretende abrir é hora de começar a fazer toda a documentação para legalizar o negócio.  O documento que oficializa a abertura do empreendimento é o Articles of Organization (para “LLC”) e o Articles of Incorporation (no caso de uma “Corp.”). Essa documentação deve ser registrado junto à Secretaria de Estado da Flórida (Secretary of State). O tempo de aprovação do documento demora de 2 a 4 dias úteis, depois disso, considera-se a empresa aberta. 

Outro documento que deve ser tirado é o Employer Identification Number (“EIN”), também conhecido como Tax ID. Esse funciona como um CNPJ do negócio, por meio dele é possível fazer a abertura de uma conta bancária para a empresa. 

Além disso, é preciso verificar com a cidade, condado e estado a necessidade de licenças e alvarás de funcionamento dependendo do ramo de atuação do negócio. Assim como seguros específicos para os segmentos podem ser exigidos. 

 

3- Providências Fiscais 

O Imposto de Renda nos EUA é cobrado sobre o lucro ou rendimento do contribuinte. No país é obrigatória, em qualquer circunstância, a declaração anual do imposto de pessoa jurídica para que o lucro seja apurado para a base de cálculo. 

Ainda existem diversos tipos de impostos (cerca de 97) que devem ser pagos anualmente, que podem ser federais ou estaduais. O ideal para entender esses aspectos é consultor um contador no país. 

 

4- Providências Financeiras 

A abertura de conta bancária é essencial para funcionamento da empresa e até mesmo para manutenção das finanças pessoais. Para estrangeiros não é difícil abrir conta nos EUA. São exigidos: passaporte e visto válidos, documento de identificação brasileiro, comprovante de residência norte-americano e, dependendo da instituição, cartas de referência de contadores e extratos bancários do Brasil. Já para pessoa jurídica, são exigidos também o registro ativo da empresa na Flórida e o EIN. 

O país conta ainda com uma forma de acumular crédito (credit score) para concessão de crédito para investimento futuros, por meio do Social Security Number. Você pode saber mais sobre o assunto aqui

Conte conosco 

Empreender nos Estados Unidos proporciona muitas oportunidades. Se você deseja começar um novo negócio do zero, já falamos no site sobre 5 negócios que estão em alta no país

No momento de fazer a mudança com todo o grupo familiar para gerir o negócio você irá precisar de uma consultoria imobiliária completa para encontrar a casa ideal e ajudar com a parte de documentação. Nesse sentido, conte com o The Florida Lounge, somos especializados em atender brasileiros e também os maiores representantes da Lennar. 

Gostou do artigo? Fique de olho no nosso blog! Querendo investir em imóveis na Flórida? Veja a lista de casas a venda na Flórida que selecionamos para você!

Compare

X
X